Quantas pessoas morrem antes mesmo de viver?

 

As pessoas se esqueceram de viver a vida. Elas só sobrevivem.

Estamos tão obcecados com o futuro que acabamos esquecendo de viver a vida. Perceba uma coisa: o futuro não existe e nunca existirá porque ele é apenas a antecipação do presente. Quanto mais você se aproxima do futuro, mais ele se afasta de você.

 
Basta você olhar ao seu redor com atenção que você vai ver pessoas com pressa, fazendo coisas para o próprio futuro; Perceba que a vida dessas pessoas não passa de uma preparação para o futuro. E como fica o hoje? Tudo o que importa, tudo que vale a pena viver no presente é simplesmente deixado de lado. Consequentemente as pessoas acabam se encontrando por diversas vezes em um estado de tristeza e inutilidade.
 
Eles trabalham, estudam e lutam continuamente sem nenhum resultado, assim como acontece no mito de Sísifo. (veja o vídeo abaixo)
 

 
E então, quando eles não encontram alegria em suas vidas na terra, eles começam a questionar se existe vida após a morte, para que assim posam finalmente ser feliz.
 
Desde cedo, estamos sempre pensando no futuro. As crianças querem passar nas provas escolares para que possam entrar em uma boa faculdade a fim de obter um diploma. Em seguida, vão procurar um emprego que pague um salário descente pensando que apenas isso vai trazer felicidade. Em seguida, eles procuram casar e ter filhos. Contudo, agora uma família se formou e o casal não demora muito para perceber que não tem tempo suficiente para passar com a família, então eles esperam o dia em que possam se aposentar, o que vai permitir fazer as coisas que eles amam. Mas quando eles chegam nesse ponto da vida, eles percebem que a morte está se aproximando rapidamente e então se encontram desapontados. Perante essa situação vem o desejo de voltar no tempo, de ser mais jovem para poder viver de forma diferente.
 
…E a mesma história se repete com seus filhos.
 
Isso se chama viver? Eu chamo isso de morrer.


Comentários do Facebook

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Os campos obrigatórios estão assinalados por um asterisco. *