Como praticar os ensinamentos das frases de sabedoria que compartilhamos?


Você lá leu uma frase de sabedoria e sentiu um profundo senso de clareza como se soubesse exatamente o que deveria fazer; e mais tarde se encontrou enfrentando os mesmos problemas que enfrentava antes de ter lido a frase? A história é sempre a mesma: a frase com a clareza divina está ali na sua frente, você já sabe o que precisa ser feito, você acha o máximo, mentaliza, compartilha, lembra da frase durante o seu dia, e quando é conveniente ainda a repete para seu amigo como se fosse um conselho.

Mas nada acontece de fato, e você continua vivendo da mesma forma que vivia antes de ter lido a frase.

 

"Tente não se tornar um homem de sucesso, mas sim tente tornar-se um homem de valor."
-Albert Einstein

"Toda grande história no planeta aconteceu quando alguém decidiu não desistir, mas continue não importa o que aconteça."
-Spryte Loriano

"Você pode ter o que quiser, se você estiver disposto a esquecer a crença de que você não pode tê-lo."
-Robert Anthony

"A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo."
-Dr. Forrest C. Shaklee

"É preciso coragem para crescer e tornar-se quem você realmente é."
-EE Cummings

A maioria das frases de sabedoria estão sempre passando uma ideia de mudança de atitude como: "Torne-se um homem de valor", "Não desista", "Esqueça tal crença", "Crie um futuro", "Seja você mesmo"… 

Não conseguimos praticar os ensinamentos porque estamos apenas aplicando mudanças.

Mudanças são finitas, qualquer um pode mudar de relação sem transformar a carência, mudar de método de produtividade sem transformar a distração, mudar de escritório sem transformar a competição, mudar de projeto incrível sem transformar a visão estreita, mudar de filosofia sem transformar a ignorância, mudar de estratégia sem transformar o medo, mudar de casa sem transformar a insatisfação.

Precisamos aprender a nos transformar, caso contrário, vamos apenas mudar de vida, de novo e de novo e mais uma vez, apenas atualizando o software da confusão, enfeitando a mente reativa, lustrando nosso ciúme com romantismo, melhorando e pirando cada vez em uma nova história, uma nova dieta revolucionária, um novo hobbie, um novo look, um novo propósito, uma nova prática espiritual, um novo exercício físico, um novo método de produtividade, um novo insight genial, mais um projeto incrível de crowdfunding…

A transformação é um trabalho longo, diário e paciente.

porquinho da sorte frase de beverly sills

Como praticar?

Para aprender a praticar os ensinamentos precisamos entender a diferença entre mudança e transformação.

Mudar significa mudar o comportamento

Você pode mudar seu estilo musical, mudar o modo como se veste, mudar a forma como se relaciona com as pessoas do seu trabalho ou mudar uma direção. O fato é que a mudança começa com um novo conjunto de comportamentos.

Por exemplo, se você decide mudar sua dieta e banir carboidratos e cereais, já pode ir dando adeus ao cereal matinal e começar a preparar uma omelete ou um shake de proteína. Mas como essa decisão é baseada em um comportamento, você pode facilmente pegar a caixa de cereal e ao perceber colocar de volta no armário.(relutando)

Transformar significa modificar valores e desejos.

Usando a dieta como exemplo novamente, a transformação acontece quando você não quer mais saber de cereal. Na verdade, você agora anseia por proteína, e mesmo quando alguém está comendo cereal do seu lado, seu coração e sua mente te impulsiona a tomar uma decisão diferente.

Mudar no máximo nos levará a uma versão melhorada de nós mesmos, então da próxima vez que você ler uma frase de sabedoria, ouvir um conselho, ler um livro, viver um momento esclarecedor, procure se transformar ao invés de tentar mudar (e continuar sendo o mesmo.)

– Mundo Interpessoal
Créditos das imagens: Laurarama e Anne



Comentários do Facebook

3 Comentários


  1. Waldêmio Ávila Ferro

    26 de janeiro de 2016 em 19:51

    Intrinsecamente me apanho remoendo fatos e ou realidades que deixei de analisar ou de realizar por isso ou por aquilo , as vezes me descontento com o erro de outrora mas não sei até que ponto me corrijo para o acerto atual.

    Responder

    • Mundo Interpessoal

      26 de janeiro de 2016 em 23:09

      Obrigado pela contribuição, Waldêmio!

      Experimente se lembrar de seu passado. Quantas vezes você já mudou? E o que você inevitavelmente carregou a cada novo nascimento? A gente começa a se transformar quando olha mais perto para tais mudanças.

      Você está no caminho certo (pensar no passado não é errado). O importante é o que você vai conseguir enxergar quando olhar mais de perto.

      Responder

  2. Você quer mudar ou se transformar?

    19 de fevereiro de 2016 em 00:31

    […] Como praticar os ensinamentos das frases de sabedoria que compartilhamos? […]

    Responder

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Os campos obrigatórios estão assinalados por um asterisco. *