Na atual sociedade onde vivemos, é melhor ser normal ou ser louco(a)?

 

O que significa viver uma vida normal? No mundo moderno, especialmente no ocidente, significa que desde criança somos submetidos a um processo de lavagem cerebral chamado escolaridade, para mais tarde nos condicionar a trabalhar como escravos do salário, passando praticamente o resto da vida competindo com outras pessoas apenas para sobreviver, sendo convencidos diariamente pela publicidade manipuladora a consumir cegamente produtos que não precisamos, ao mesmo tempo em que inconscientemente destruímos o planeta onde habitamos, envenenamos lentamente o organismo com alimentos que causam doenças, obedecendo a regras e acreditando em dogmas que foram impostos por aqueles que tem autoridade, sendo passivos, sem criatividade, se reprimindo de inúmeras maneiras, vivendo em sofrimento, sem fazer nada para mudar isso.

Se você parar para pensar, é possível perceber que esse tipo de vida é absolutamente doentio, e por incrível que pareça ele é aceito por quase todos como sendo saudável e é altamente recompensado pela sociedade. Na verdade, aqueles que são melhores em viver dessa forma são considerados bem-sucedidos e respeitados, enquanto aqueles que são diferentes, mais sensíveis e inteligentes, que desejam criar um caminho diferente na vida são ridicularizados e menosprezados, sendo muitas vezes considerados estúpidos, estranhos, fracassados e loucos.

Mas por que viver como a maioria das pessoas? Sendo que a vida pode sim ser vivida muito melhor – podemos viver alegremente, com brilho nos olhos, amor, criatividade, em paz com nós mesmos e os outros, saboreando a maravilha da existência. Infelizmente, poucas pessoas conseguem pensar fora do padrão que a sociedade condicionou e escapar da matrix onde eles vivem desde que nasceram.

Esses são os rebeldes, que em algum momento de suas vidas, sentiram a necessidade de se libertar das correntes da tradição e ajudam a criar um mundo mais bonito para todos os seres da terra.

Se rebelando contra a normalidade

Pensando menos

Se rebelar contra a normalidade é a coisa mais difícil que uma pessoa pode fazer porque é necessário ter coragem e ser honesto consigo mesmo e com os outros. É muito arriscado falar a verdade em um mundo baseado em mentiras. Esse “falar a verdade” significa ir contra a maré da tradição, que por sua vez significa confrontar a mentalidade do rebanho e ter a força para seguir em frente seu caminho, independente das dificuldades que poderá enfrentar.

Houve muitas pessoas que tiveram a coragem de se rebelar contra a normalidade da nossa sociedade doente, mas a maioria dessas pessoas não conseguiram lidar com as consequências negativas que suas ações tinham sobre si mesmas.

Acontece que quando ninguém abraça sua singularidade, não te entente e ainda fica tentando te encaixar na sociedade, é fácil perder a motivação e coragem, causando uma imensa angústia. É por isso que algumas das maiores mentes que já andou na terra sofreram de problemas mentais e emocionais graves. Embora hoje, muito tempo depois de suas mortes eles sejam reconhecidos como gênios, quando estavam vivos eles eram vistos pela maioria como estranhos ou lunáticos.

Engraçado né?

Os problemas começam a surgir quando você adquire um pouco mais de lucidez, vai percebendo o quão doente é a forma que se está vivendo, vai se abrindo, começando a remar contra a maré, tentando recuperar sua liberdade e criando seu próprio caminho na vida.

Pessoas, incluindo seus amigos e familiares farão de tudo para colocar obstáculos em seu caminho com a intenção de “ajudar” a você se tornar normal novamente, exatamente como eles são. Em vez de ajudá-lo a fazer crescer as asas da sua consciência, deixando para trás o que a sobrecarrega, eles vão dar o melhor de si para cortá-las totalmente, fazendo com que você se rasteje lado a lado para que possam sofrer juntos.

Atreva-se a ser louco

ser-diferente

 

Sua voz interior há muito tempo já vem dizendo que a vida pode ser muito mais que isso, e você deve confiar nela porque ela está certa!

Embora possa ser a coisa mais difícil de se conseguir, é a única coisa que vale realmente a pena lutar, afinal, qual é a vantagem em viver da outra forma? O que você ganha em desperdiçar sua vida inteira só porque os outros dizem que é assim que se deve viver?

Se você realmente deseja viver da forma como você quer viver e não do jeito que os outros esperam que você viva, você precisa reunir a coragem em seu coração para ser louco – louco de acordo com as normas da sociedade. Você precisa de distanciar do conforto do rebanho e seguir seu caminho sem se importar com o que os outros vão pensar de você. Você precisa estar disposto a passar por dificuldades e dores, sem abrir mão de tentar transformar seus sonhos em realidade.

E lembre-se: não importa o tamanho da dor que você possa experimentar no caminho da não conformidade, as recompensas superam as desvantagens. Assim como uma mãe sente muita dor ao dar a luz, você vai estar enfrentando a dor de dar a luz a uma nova vida. Uma vida de beleza, alegria e celebração. A dor caminha ao lado da mudança, então a abrace a deixe lhe guiar, funcionando como um combustível para a transformação interior.

 



Comentários do Facebook

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Os campos obrigatórios estão assinalados por um asterisco. *